Menu Site
 Por: Sesi Bauru
21/01/2019 08:30 - atualizado às 09:25 em 29/03/2019

O Sesi Vôlei Bauru iniciou com revés, na noite desta sexta-feira (18), o returno da Superliga Cimed 2018/2019 após ser superado pelo Hinode/Barueri por 3 a 0 (25/23, 25/23 e 25/21), no ginásio José Correa, em Barueri (SP). Com o resultado, a equipe está com 21 pontos somados após sete vitórias e cinco derrotas.

Agora o Sesi Vôlei Bauru inicia sua preparação para enfrentar o Sesc RJ, no próximo dia 22, às 19h30, no ginásio Neusa Galetti, em Marília (SP), em duelo válido pelas quartas de final da Copa Brasil 2019, competição que reunirá as oito melhores equipes do primeiro turno da Superliga Cimed 2018/2019.

O Sesi Vôlei Bauru não poderá mandar o confronto no Panela de Pressão, pois o ginásio receberá, na mesma data, às 19h, o jogo do Bauru Basket contra o Brasília, pela décima-sétima rodada do NBB Caixa 2018/2019, que foi antecipado pela TV do dia 23 para o dia 22.

Por isso, a partida será realizada no ginásio mariliense, que já sediou outros dois jogos da equipe bauruense: um pela mesma Copa Brasil em 2017, diante do Praia Clube, e em 2018, contra o mesmo Sesc RJ pela temporada 2017/2018 da Superliga.

O jogo

O Sesi Vôlei Bauru iniciou o jogo contra o Hinode/Barueri com a seguinte formação: Fabíola, Tifanny, Gabi Cândido, Valentina Diouf, Valquiria, Saraelen e Tássia.

O primeiro set começa com o Sesi Vôlei Bauru sofrendo com a recepção e o saque do Hinode/Barueri, que abre 6/1 e Anderson Rodrigues para o jogo. O Sesi Vôlei Bauru segue sofrendo com o passe e o Hinode/Barueri aproveita os erros e amplia a vantagem para oito pontos no 13/5 e Anderson pede tempo novamente. No reinício o Sesi Vôlei Bauru reage e diminui a diferença para três pontos no 15/12 e empata no 17/17. O duelo segue ponto a ponto até a reta final da parcial, quando o Hinode/Barueri aproveita os erros do Sesi Vôlei Bauru e fecha em 25/23.

O segundo set começa com o Sesi Vôlei Bauru melhor, principalmente no saque, e passa a criar dificuldades para o Hinode/Barueri, que sofre com o passe e permite ao Sesi Vôlei Bauru abrir frente de três pontos. Mas o Hinode/Barueri empata no 13/13, vira no 15/14 e chega a três pontos de vantagem no 17/14. Com boa sequência de saques, o Sesi Vôlei Bauru volta a empatar no 18/18, mas novamente o Hinode/Barueri foi mais eficiente na reta final e fecha a parcial em 25/23.

O terceiro set novamente se inicia com o Sesi Vôlei Bauru errando muito e permitindo ao Hinode/Barueri abrir 4/0, obrigando Anderson Rodrigues a parar o jogo. O Hinode/Barueri segue dominando as ações e, com o Sesi Vôlei Bauru errando muito, fecha a parcial em 25/21 e o jogo em 3 a 0.

As maiores pontuadoras do Sesi Vôlei Bauru no confronto foram a oposta Valentina Diouf, com 14 pontos, a central Saraelen, com 7, as ponteiras Tifanny e Palacio, com 6, e a ponteira Gabi Candido, com 5.

“Mais uma vez erramos muito, principalmente nos momentos decisivos dos sets, e isso tem nos atrapalhado demais”, disse a central Valquiria, em entrevista ao SporTV.

Copa Brasil 2019

A primeira fase da Copa Brasil 2019 será disputada na casa de cada um dos quatro times mais bem classificados no primeiro turno da Superliga Cimed 2018/2019, com as equipes se enfrentando em jogo único de quartas de final, que terão os seguintes duelos: Praia Clube (1º) x Curitiba Vôlei (8º), Minas Tênis Clube (2º) x Fluminense (7º), Hinode/Barueri (3º) x Osasco/Audax (6º) e Sesi Vôlei Bauru (4º) x Sesc RJ (5º).

Os vencedores avançam às semifinais, que serão disputadas em Gramado (RS), no dia 1 de fevereiro, no ginásio municipal de esportes Perinão, reunindo os ganhadores dos seguintes confrontos: 1º x 8º x 4º x 5º e 2º x 7º x 3º x 6º. Os vencedores das semifinais disputam a final no dia seguinte, no mesmo local.

As duas primeiras edições, em 2007 e 2008, tiveram o Rexona-Ades (RJ) e Finasa/Osasco (SP) como campeões, respectivamente. Em seguida, conquistaram o título o Molico/Nestlé (2014), Pinheiros (2015) e o Sesc RJ em 2016 e 2017. Na última edição, em 2018, vitória do Vôlei Nestlé (SP) sobre o Dentil/Praia Clube (MG).